Como funciona o financiamento para importação e exportação Como funciona o financiamento para importação e exportação

Como funciona o financiamento para importação e exportação?

Por: | 23 de maio de 2022 |

O financiamento para importação e exportação é uma opção para quem trabalha com comércio exterior e precisa de mais flexibilidade na hora do pagamento de suas operações entre países.

Neste post, você verá como funciona cada uma dessas operações e como a B&T pode te ajudar neste processo.

Financiamento para exportação

No financiamento, a B&T auxilia com a antecipação do pagamento ao exportador e o importador constitui uma espécie de encargo com a instituição financeira. Na modalidade pré-embarque, o exportador recebe o valor do pagamento antes da exportação, e pós-embarque, após o embarque da mercadoria.

É direcionado nas modalidades pré e pós-embarque com assessoria da B&T para obtenção de linhas de financiamento na exportação de bens e serviços. 

Veja o passo a passo:

  1. O cliente entrega sua solicitação de financiamento com informações sobre a moeda estrangeira da operação, o montante, prazos e estrutura de liquidações. 

  1. O importador se compromete a pagar o montante em data futura e a instituição financeira auxilia na antecipação/adiantamento do pagamento para o exportador. 

  1. Na data de vencimento, o importador paga o valor da importação e o exportador salda o adiantamento, com o reembolso feito para o importador.

Financiamento para importação

Trata-se de uma operação em que o importador solicita o financiamento a instituição financeira para o período de comercialização e cobrança da mercadoria importada, e pode ter como um dos seus objetivos a busca por obter os melhores preços de compra.  

Operações com prazo de pagamento inferior a 360 dias podem ser assinadas diretamente na DI (Declaração de Importação), e no caso de prazo superior a 360 dias, é preciso fazer o Registro de Operações Financeiras (ROF) no Banco Central.

Vale lembrar que operações, a princípio, efetuadas com prazo de pagamento inferior a 360 dias, e que, ao ocorrer o refinanciamento, tenham alcançado o prazo de pagamento superior a 360 dias devem ser registradas no módulo ROF do RDE (Registro Declaratório Eletrônico), anteriormente à retificação da DI. 

Caso ainda tenha dúvidas sobre essa e outras questões, a B&T tem uma consultoria especializada para orientar sobre toda a operação.

A Consultoria B&T oferece suporte sobre a legislação e estruturação, além da emissão e contrato de ROFs (Registro de Operações Financeiras), junto ao Banco Central do Brasil, e SISBACEN, de acordo com a modalidade e as características de cada negócio.

Conheça o DI Extract

A importação depende de etapas importantes como a declaração de importação. Tal documento funciona como um resumo da operação com informações sobre autorizações necessárias, pagamentos de impostos, além de aspectos cambiais e comerciais. 

Sem a declaração, não acontece o despacho aduaneiro, ou seja, a liberação da mercadoria pela alfândega para entrada/saída no país, por isso ele é tão importante para os importadores.

Com a DI Extract, o importador ganha agilidade e escapa do processo mais demorado para a extração da declaração de importação. 

O que é DI Extract?

É uma ferramenta exclusiva da B&T que automatiza a busca da declaração de importação, regulariza sua operação e otimiza o processo de importação sem perder tempo com a procura por documentações, como as divulgadas pela resolução do Bacen.

Assim, pela ferramenta é possível cadastrar a B&T como despachante para que ela possa atuar no Siscomex (Sistema Integrado de Comércio Exterior) para extrair a Declaração de Importação (DI) diretamente, evitando que tempo seja gasto na solicitação da documentação e contatos entre setores.

Assim, a ferramenta beneficia não só importadores, como todas as partes da negociação. Tal vantagem, que já era conhecida pelos clientes da B&T Câmbio há bastante tempo, mais do que nunca se torna essencial para quem lida com comércio exterior.

“A busca da D.I. para regularização das operações de câmbio de importação sempre foi uma dor burocrática para os clientes, por isso já havíamos desenvolvido um sistema automatizado para isso, e que o cliente faz a autorização uma única vez e nunca mais precisa se preocupar com as Declarações de Importação”, afirma Tulio Portella, Diretor Comercial da B&T Câmbio.

Caso tenha interesse na ferramenta e queira agilizar suas operações e facilitar seus negócios, entre em contato com a nossa equipe.

Últimos Posts

Como minimizar o impacto das variações cambiais em viagens internacionais

Por: | 14 de maio de 2024

Viajar para o exterior é uma experiência incrível, mas as flutuações cambiais podem ser uma preocupação constante para os viajantes. A volatilidade das moedas estrangeiras pode afetar o custo total da viagem, sendo assim, é importante adotar estratégias para minimizar esses impactos. Neste artigo vamos falar sobre o impacto das variações cambiais em suas viagens […]

Ler Matéria

Boletim B&T Câmbio – Maio

Por: | 6 de maio de 2024

Visão de Especialista Com Bruno Nascimento – Analista de Câmbio da B&T Três fatores que têm influenciado o equilíbrio do dólar Após um período de certa estabilidade, com a moeda norte-americana oscilando entre R$4,90 e R$5,00, o mês de abril foi marcado por uma disparada do dólar, que chegou a encostar em R$5,30. Neste artigo, […]

Ler Matéria

Por que diversificar investimentos em moedas estrangeiras?

Por: | 29 de abril de 2024

Diversificar investimentos é uma estratégia muito recomendada por especialistas do mercado financeiro para reduzir riscos e aumentar as oportunidades de retorno. Se você deseja diversificar seus ganhos, precisa entender as vantagens de investir no exterior, para que então encontre mais opções de investimentos rentáveis. Quando se trata de diversificação de carteira, uma das áreas que […]

Ler Matéria