Boletim B&T Câmbio – Fevereiro

Por: | 11 de fevereiro de 2023 |

COMERCIAL

Os impactos do dólar na inflação

Você já pensou como o dólar impacta o seu dia a dia? A moeda norte-americana é a mais usada em negociações internacionais. Então, se um item é importado, ele tem maior chance de sofrer com as variações cambiais. Isso afeta outras questões econômicas, como a inflação.

Em dezembro de 2022, a inflação cresceu 6,2%, o que levou o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) a uma alta acumulada de 5,79% no ano passado. Dentro deste resultado, a maior contribuição veio justamente do grupo de saúde e cuidados pessoais, com produtos como maquiagem, perfumes e produtos para pele, onde a maioria são importados.

A aproximação com os preços do mercado externo também afeta a inflação aqui. Isso porque os produtos que são produzidos no Brasil também são exportados, e se a venda para fora for mais vantajosa há elevação dos preços internos.

Commodities como soja, milho e petróleo são afetados por essa dinâmica, e a variação no preço deles impacta toda uma cadeia de produtos. Por exemplo, se ocorrer uma alta no valor do petróleo, podemos perceber uma alta em alimentos, transporte, combustível, plásticos e passagens aéreas.

O órgão regulador que opera para o controle da inflação no Brasil é o Banco Central (BC) e a elevação da taxa de juros é uma das ferramentas para o combate da inflação. A taxa atual é de 13,75% ao ano.

E quanto ao dólar? Por enquanto, a expectativa mediana dos especialistas ouvidos no Boletim Focus, divulgado pelo BC, é que o dólar feche 2023 em R$ 5,25.

Visão de especialista – Euro ganha expectativa de fortalecimento em 2023

Conversamos com o especialista, Diego Costa, Head da B&T Câmbio para as regiões Norte e Nordeste, para entender mais sobre o fortalecimento do euro, assim como as perspectivas da paridade com o dólar. Confira!

Desde o início da pandemia, em 2020, o mundo precisou conviver com uma situação que até então não era terreno familiar para países de primeiro mundo, a inflação. Na Zona do Euro essa situação foi ainda mais agravada com os impactos da guerra entre Rússia e Ucrânia.

Nesse período a paridade entre o euro e o dólar chegou a ser de 0,9536 com a moeda norte-americana tendo superado o euro pela primeira vez desde 2002.

As maiores potências econômicas continuam tendo que lidar com a luta pelo equilíbrio entre inflação e juros, no entanto indicadores começam a apresentar sinais de recuperação na Zona do Euro e a expectativa passou a ser de expansão no bloco.

Os indicadores econômicos em conjunto com a cena política local darão o tom dos mercados por aqui nos próximos meses. Investidores buscam previsibilidade para montagem de suas estratégias de carteira, o arrefecimento dos juros no exterior e fiscal no Brasil favorece uma valorização do real, pelo alto prêmio que pagamos nos investimentos aqui alocados. Porém sabemos como funciona a política no Brasil e o ano parlamentar ainda nem começou, muitas movimentações e negociações acontecerão, o que deve sensibilizar e trazer volatilidade ao câmbio no Brasil.

Para finalizar, uma pergunta muito recorrente, vale mais a pena o euro ou o dólar? Depende da sua necessidade, se for para fins de liquidação de contratos, a mais usual é o dólar, para abertura de contas no exterior ambas são interessantes e depende do seu planejamento, e para investimentos, apesar do euro ter superado novamente o dólar, os Estados Unidos ainda são o destino mais procurado quando o assunto é proteção de capital.

Ou seja, trace seus objetivos, pense no longo prazo e entenda que investimento é algo muito pessoal onde o que faz total sentido para um, a depender do planejamento traçado, não faz para o outro. 

TURISMO

O aumento no número de brasileiros em Portugal e o impacto no câmbio

O número de estrangeiros em Portugal cresceu pelo sétimo ano consecutivo, de acordo com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). Dados da entidade mostram que a comunidade brasileira se mantém como a maior no país, tendo aumentado 13% em relação a 2021.

Com a falta de mão de obra em setores como serviços e turismo e o envelhecimento da população portuguesa, os brasileiros enxergaram na mudança de país uma oportunidade de mudar de vida, de trabalho e ter mais estabilidade e segurança.

O salto no número de estrangeiros já vem sendo percebido no aumento do custo de vida por lá. Alugar um imóvel em cidades como Porto e Lisboa aumentou 10% no último trimestre de 2022, o que reforça a importância do planejamento financeiro para quem planeja cruzar o oceano de maneira definitiva. 

As operações internacionais acompanham o movimento de imigração. Segundo a Europa Câmbio, em 2021 foram realizadas 978 remessas internacionais em dólar entre Portugal e Brasil. Já em 2022 foi notado um crescimento de 22%, quando o número de transações passou para 1.197. O fluxo mostra quem está em Portugal e ainda mantém relações com o Brasil, sejam elas familiares ou de negócios.

Há ainda uma parcela de nômades digitais que estão atraídos pela flexibilização das leis para obter o visto temporário. Desde o ano passado, pessoas que trabalham remotamente podem solicitar um visto de permanência de até 1 ano ou uma autorização de residência permanente de até 5 anos. Para ser aceito, é preciso comprovar renda de pelo menos 2.820 euros. 

Ainda sobre Portugal, Tulio Portella, Diretor Comercial da B&T, participou recentemente de uma live sobre remessas e regulação cambial com a advogada Carla Fortes no Instagram @portugalfiscal. 

Procura por seguro viagem cresce na Europa Câmbio

Em época de férias e com o carnaval à espreita, a busca por viagens internacionais está em alta no Brasil, segundo o Google Trends. Diversas buscas por seguros de viagem seguem com aumento repentino nas pesquisas do buscador. Paulo Victor, Gestor de Varejo da Europa Câmbio, explica o motivo.

“É um produto que andou em baixa nos últimos anos devido a pandemia e paralisação das viagens internacionais, criando uma demanda reprimida. Na Europa Câmbio estamos reestruturando com parceria e capacitando novamente algumas equipes para tracionar as vendas nas lojas”, ressalta.

O seguro viagem da Europa Câmbio cobre os gastos por atraso ou extravio de bagagem, acidentes pessoais, cuidados especiais, despesas médicas por Covid-19, e problemas com cancelamentos de voos.

Segundo os dados da Confederação Nacional de Seguradoras (CNSeg), a procura por seguros de viagem apresentou um crescimento acima de 188% entre janeiro e novembro de 2022 comparado ao mesmo período de 2021. Na Europa Câmbio o crescimento é de 278% em 2022 comparado a 2021.

O reaquecimento do turismo é algo que vem sendo notado desde a gradativa reabertura, em 2022.  A Organização Mundial do Turismo (OMT) espera que as chegadas de turistas internacionais fiquem de 80% a 95% dos níveis pré-pandemia. 

Embora ainda haja preocupação com a desaceleração econômica, a retomada das viagens na Ásia e a situação do conflito na Ucrânia, tudo indica que 2023 será um ano forte para o setor, ainda mais com o retorno dos turistas chineses, após o fim da política de covid-zero.

 

Últimos Posts

Como minimizar o impacto das variações cambiais em viagens internacionais

Por: | 14 de maio de 2024

Viajar para o exterior é uma experiência incrível, mas as flutuações cambiais podem ser uma preocupação constante para os viajantes. A volatilidade das moedas estrangeiras pode afetar o custo total da viagem, sendo assim, é importante adotar estratégias para minimizar esses impactos. Neste artigo vamos falar sobre o impacto das variações cambiais em suas viagens […]

Ler Matéria

Boletim B&T Câmbio – Maio

Por: | 6 de maio de 2024

Visão de Especialista Com Bruno Nascimento – Analista de Câmbio da B&T Três fatores que têm influenciado o equilíbrio do dólar Após um período de certa estabilidade, com a moeda norte-americana oscilando entre R$4,90 e R$5,00, o mês de abril foi marcado por uma disparada do dólar, que chegou a encostar em R$5,30. Neste artigo, […]

Ler Matéria

Por que diversificar investimentos em moedas estrangeiras?

Por: | 29 de abril de 2024

Diversificar investimentos é uma estratégia muito recomendada por especialistas do mercado financeiro para reduzir riscos e aumentar as oportunidades de retorno. Se você deseja diversificar seus ganhos, precisa entender as vantagens de investir no exterior, para que então encontre mais opções de investimentos rentáveis. Quando se trata de diversificação de carteira, uma das áreas que […]

Ler Matéria